Casa & Decoração – Coberturas de Policarbonato

Coberturas de  Policarbonato

Precisando fazer uma cobertura pra proteger minha porta de madeira do sol e da chuva, comecei novo “Projeto de ReforMINHA”.    Aproveitando, decidi fazer outra pequena cobertura pra ter um varal coberto e trocar a soleira de madeira  da porta balcão por outra de granito.                                                                                                                                   Decidimos que a cobertura seria de policarbonato compacto refletivo de 3 mm.                        Depois de muitos orçamentos, pesquisa de materiais, garantias, reclamações de consumidores (http://www.reclameaqui.com.br/)…desisti, aliás…dei um tempinho de alguns anos. Agora, com a soleira podre e a porta precisando ser envernizada (Osmocolor), estou retomando meu projeto e, sem procurar nenhuma empresa, já fechei com um serralheiro que acabo de conhecer, no primeiro orçamento!!

A cobertura será de policarbonato compacto refletivo de 4 mm.

Vou registrar as fotos do antes/depois, da cobertura idealizada, do resultado (final feliz, espero!)  e de uma cobertura feita por nós mesmos, comprando o material na Florêncio de Abreu (retalhos) e na Marquês de São Vicente.

Antes da prática, um pouco de Teoria

Policarbonato é um plástico de engenharia, um material transparente (chega a 89%, seu nível de transparência), deixando passar a iluminação natural,  e resistente a impactos (em média 200 vezes superior à do vidro e trinta vezes maior que a do acrílico). Mais leve que o vidro, pode ser curvado a frio e tem proteção contra raios ultravioleta.
Por possuir proteção contra os raios UV, as coberturas de policarbonato possuem maior vida útil do que as telhas de fibra de vidro ou PVC, pois não amarelam e não perdem a transparência.
As telhas de policarbonato propiciam diversas sugestões decorativas ao ambiente, pois permite a utilização em coberturas com formas e curvaturas sem nenhuma emenda.

As chapas de policarbonato podem ser classificadas como telhas devido aos seus formatos semelhantes às telhas de aço galvanizado, telhas de alumínio e as telhas de fibro-cimento e podem compor telhados, coberturas e fechamentos verticais com a combinação desses outros materiais.
Existem três tipos de chapas de policarbonato no mercado: as compactas, as alveolares e as refletivas ( melhor eficiência térmica). Na escolha do produto para aplicação principalmente em coberturas, deve-se levar em conta, principalmente, fatores como a luminosidade e o conforto térmico, além do efeito estético e o preço.

Geralmente as coberturas de policarbonato estão disponíveis nas cores cristal, bronze, branco leitoso e fumê. Alguns tipos também são oferecidos em verde e azul. É bom lembrar que as cores escuras, como o bronze e o fumê, têm menor índice de luminosidade e conseqüentemente transmitem menos calor quando utlizadas em coberturas.

Transparência e luz natural

Para um bom resultado, as coberturas de policarbonato devem ser instaladas em posição estratégica, deve-se verificar a ventilação, as refletivas e com cor adequada bloqueiam uma parcela de calor do sol. As coberturas transparentes melhoram a luminosidade dos ambientes, fazendo com que espaços menores pareçam mais amplos e ambientes mais frios tornem-se mais quentes.

Cuidado ao instalar coberturas de policarbonato transparentes em um país tropical como o nosso para não criar verdadeiras estufas.

Vantagens

Abaixo as principais vantagens na utilização da cobertura em policarbonato

  • Alta resistência a impactos – As coberturas em policarbonato são inquebráveis. O policarbonato é excelente para substituir o telhado em diversas áreas pois suporta fortes impactos;
  • Transparência;
  • Fácil manipulação e instalação;
  • Leve – As chapas de policarbonato compactas pesam metade que as de vidro e as alveolares têm apenas 10% de seu peso. O peso da estrutura que suporta a cobertura de policarbonato é muito menos que o peso da estrutura que suporta a cobertura em vidro, trazendo uma enorme economia na instalação da mesma;
  • Manutenção – requerem manutenção mínima;
  • Não propaga a chama – Por ser um material auto-extinguível, o policarbonato evita a propagação de fogo e os gases gerados são menos tóxicos que os do acrílico. Além disso, dispensa maiores recursos com segurança contra incêndio, devido à sua propriedade retardante de combustão;
  • Proteção anti-UV – As chapas de policarbonato para uso em coberturas, possuem um tratamento contra os raios ultravioleta mantendo a transparência e a resistência ao impacto ao longo dos anos de exposição direta ao sol;
  • Garantia de 10 anos contra amarelecimento;
  • Podem ser instaladas sobre estrutura de alumínio, aço ou madeira;
  • Ótimo aspecto estético ao empreendimento;
  • É mais eficiente no aspecto térmico em relação ao vidro.

Instalação

A instalação em geral é feita por instaladores autorizados ou recomendados pelos fabricantes. Eles podem responsabilizar-se pela compra do material, montagem das estruturas e colocação.

Porém, listamos aqui algumas precauções que devem ser tomadas na instalação das coberturas em policarbonato. São elas:

  • Proteja as chapas e telhas de policarbonato até o momento da instalação;
  • Caso o corte das telhas e/ou chapas de policarbonato for feito através de serra elétrica, as lâminas devem conter dentes finos, com a quantidade de 6  a 8 dentes por centímetro, nesse caso as chapas e telhas de policarbonato devem ser presas à bancada para evitar vibrações;
  • A fixação da cobertura em policarbonato deve ser realizada através de perfis de alumínio com gaxetas de neoprene ou EDPM, as quais não danificam a cobertura;
  • O filme de proteção UV deve ficar para cima, devendo ser removido após a instalação.

Dicas

  • As chapas de policarbonato devem ser fixadas sobre estruturas de madeira, aço ou alumínio;
  • Nas estruturas de madeira deve-se levar em conta que a madeira pode movimentar-se o que pode causar desencaixes, causando possíveis vazamentos de água;
  • Outro cuidado que se deve ter é com os rufos (elemento de vedação entre a cobertura e alvenaria). O rufo deve ser fixado diretamente sobre a parede e não na estrutura, pois esta última tem movimentação o que pode causar rompimento das vedações;
  • Posicione a cobertura conforme a incidência de sol: prefira sempre a face sul;
  • Posições com alta exposição solar precisam de boa ventilação e cobertura com cor (bronze, fumê) ou com características refletivas;
  • Boas saídas de ar para uma ventilação cruzada é recomendável. Uma excelente opção é a instalação de coberturas retráteis, que podem abrir e fechar conforme o clima.

Limpeza

A limpeza em uma cobertura translúcida de policarbonato deve ser constante, e proporcional às sujidades causadas pelo ambiente.

Recomenda-se lavar a cobertura em policarbonato periodicamente a cada 30 dias, de preferência lavar sempre pela manhã ou final de tarde, nunca sobre sol intenso.

É indicado molhar a cobertura em policarbonato com água corrente e bastante pressão, de preferência em máquinas de jato.

Nunca utilize produtos abrasivos na limpeza da cobertura em policarbonato, tais como esponjas de poliuretano ou vassoura e utilize apenas sabão neutro, esponja macia ou pano 100% algodão.

Em caso de acidentes com tintas sobre as chapas de policarbonato utilize somente álcool isopropílico, logo em seguida lave com água e sabão neutro. A limpeza da estrutura metálica também merece cuidados. Se for de aço, deve-se remover a sujeira com pano úmido e detergente neutro, repintar os descascados removendo ferrugens previamente (pode se usar qualquer fosfatizante que se encontra em lojas de tintas). Se for alumínio, limpa-se com pano úmido, detergente neutro e, para as mais difíceis, querosene puro, removendo, logo em seguida, qualquer resíduo do produto com água abundante, detergente neutro e pano macio (consulte os fabricantes do policarbonato antes desse procedimento).

Menos duro que o vidro, o policarbonato, risca facilmente. Assim, para áreas que exigem limpeza constante, recomenda-se utilizar de água com detergente neutro e pano macio. Produtos abrasivos ou alcalinos fortes são proibidos.

toldo arredondado com pouca curvatura

Soleira de granito para porta varanda

Soleira de granito para porta varanda

Fonte:

http://www.metalica.com.br/coberturas-de-policarbonato

Mesa & etc

A (minha) lógica de etiqueta à mesa

Mesa & Serviço à francesa

Mesa & Serviço à americana

Regrinhas para um melhor convíveo à mesa, quando somos convidados:

1. Vista-se de acordo

Em dúvida sobre o traje que deve vestir? Então pergunte à dona da casa. “Não é vergonha nenhuma e evita constrangimentos”, ensina a consultora de etiqueta Cláudia Matarazzo.

2. Não se atrase

Procure chegar ao evento entre 15 minutos e meia hora após o início.

3. Leve uma lembrancinha

Pode ser um buquê de flores ou uma caixa de bombons.

4. Mantenha a classe

Seja delicada, fale baixo e não gesticule com os talheres na mão. Já pensou se você acerta molho de tomate na camisa branca de alguém?

5. Fuja das discussões

Esqueça assuntos polêmicos, como religião e política. Brigas provocam indigestão!

6. Manere na bebida

É desagradável passar dos limites, né?

7. Preste atenção na postura

Apoiar os cotovelos na mesa dá a impressão de cansaço. Luana: Cotovelos, nunca; ante-braço, raramente; punhos,  às vezes.

8. Os anfitriões

Espere para comer, por mais esfomeada que você esteja, não comece antes da anfitriã, a menos que ela peça. Se houver muitas pessoas à mesa, aguarde até que metade delas tenha se servido.

Os anfitriões ocupam a cabeceira da mesa.

9. Abra o guardanapo no colo

O guardanapo de papel é bem aceite no dia-a-dia ou para receber amigos íntimos. O seu lugar também é no colo. Deixo com uma dobra, não abro totalmente (a menos que seja pequeno, bom senso). No fim, nunca o deixe dentro do prato, e sim sobre a toalha, à esquerda do prato, como o de pano.

10. Acerte nos talheres

Use o garfo na mão esquerda e a faca na mão direita (a menos que seja canhoto).

Se preferir, use o garfo na mão direita enquanto a faca descansa.

Os talheres descansam sem encostar na mesa, a faca fica na parte superior do prato (a faca sempre com a lâmina voltada para dentro).

O talher a ser usado é o que está mais afastado do prato, mais perto de você.

Não corte todos os alimentos no prato. Corte-os à medida em que for ingerindo-os.

Jamais coma com a faca ou a leve à boca. Ou quer se cortar?

Deve encher-se a colher num movimento contrário à direção da borda da mesa, sempre de lado, posição esta em que deverá ser levada à boca.

Para encerrar, deixe o garfo e faca paraleleas. Assim, o garçon sabe a hora de tirar seu prato.

11. Não enfie a cara na comida

Ela deve ser levada à boca e não o contrário.

12. Dobre as folhas da salada

Em vez de cortá-las, basta fazer uma trouxinha com a ajuda dos talheres.

13. E os caroços, espinhas,…

Se usa a mão para comer um alimento, usa a mão para tirar o caroço ou o espinho ou…A regra serve para azeitonas servidas como aperitivo. Quando elas fizerem parte da comida, use o garfo e coloque o caroço no canto do prato.

14. Segure o frango com guardanapo (de papel)

Se ele for servido à mesa, e não como aperitivo, retire as lascas de carne com o garfo. Se usar a mão, use apenas  uma (muita meleca sujar as 2;)

15. Enrole o macarrão com garfo (mão direita) e a colher fica na mão da faca, apoiando.

“Para prevenir garfadas grandes demais, pegue os fios que estiverem na ponta do prato.

16. Jamais faça barulho com sopa (ou bebidas…)

Assoprar a colher também pega mal. Comece a tomar pelas bordas, onde a comida esfria mais rápido. A colher de sopa é sempre levada à boca pela lateral

17. Parta o pão com as mãos

E nada de mergulhá-lo na sopa ou no molho.

18. Não babe no garfinho do fondue

“Deposite o cubinho de carne ou o pão com queijo derretido no seu prato e use um garfo de sobremesa para levá-lo à boca”, diz Fabio.

19. Corte melão, mamão e melancia com faca

E separe a fruta da casca aos poucos.

20. Dispense o palitinho

Além de falta de educação, o hábito pode machucar a gengiva. Fio dental no lavabo;)

21. Nunca fume (à mesa)

Se não conseguir resistir ao vício por algumas horas, peça licença e acenda o cigarro lá fora.

22. Saiba a hora de se despedir

Os anfitriões dão pistas quando estão cansados. Fique atento!

23. No serviço à francesa (verrr): Entrada pela esquerda (o garçom apresenta a bandeja do lado esquerdo), saída pela direita (Qual a lógica? Cada um sai pela sua direita e ninguém se esbarra!).

24. Não faça comentários negativos. Nada de alarde se encontrar algo estranho!

25. Não empurre o prato ao terminar de comer.

Dúvidas: * Qual a difernça de uso dos talheres no serviço à francesa e à inglesa?

* De onde vem o modo brasileiro de descansar a faca, enquanto come apenas com o garfo?

Mas o importante mesmo é a felicidade dos convivas!

______________________________________

E pra não esquecermos dos COPOS:

Porta-copo

 

 

Reforminha

Meu sofá há 11 anos

Meu sofá hoje novamente, sem capa

Opções de mesa/bandeja para apoiar notebook ou aperitivos:

Bandeja TuTo, Zanine

Depois de 11 anos e 2 capas, chegou a hora de mudar nosso velho e confortável sofá.

Primeira decisão difícil:  trocar ou reformar?

Rose ficou com nosso velho sofá e decidimos comprar um outro com capa , cheio de almofadas de flores, listras, bolas…

Andamos muuuito, começamos na Teodoro, fomos aos Shoppings D&D, Lar Center, Rua Gabriel Monteiro da Silva e vimos muita coisa…

Voltamos ao ponto inicial (Rua Teodoro Sampaio) e compramos o primeiro sofá que eu havia visto, um sofá com capa (que lembra aquele das almofadas floridas), incluímos uma chaise e um pufe para esticarmos as perninhas em frente à TV.  Estamos aguardando sua chegada para daqui a “30 dias úteis” (08/agosto/12)!!!!

O novo sofá é um pouco maior (comprimento: do sofá=2,65m, da chaise=1,60m)

Já que estamos trocando o sofá, por que não:

Fazer uns trabalhos de marcenaria com o Jorge:

Em andamento

  • Toldo/orçar: 1,70X1,oo  e   0,80X1,50
  • Cama: http://avendaonline.com/cama-casal-em-madeira-com-gavetas-venda-online.html
  • 2 Portas de correr brancas fechando 2 prateleiras da estante de gesso sem puxador, parecendo 1 parede;
  • Pequenas coisas: tirar luminária, colar rodapé, colocar prateleira no meu armário, separação gavetas dos talheres, mesinha café, fechar gaveta;
  • forrar a estante de gesso com fórmica (?!);
  • trocar o rack: fazer outro com madeira tipo carvalho/demolição com rodinhas e  mais estreita que a atual;                                                           Detalhes – Rack: http://www.mobly.com.br/comoda-casa-cafe-5-gavetas-carvalho-4147.htmlatrás do rack,  fazer um  fundo falso branco para esconder fios e guardar coisas de pouco uso e  fixar a TV nele (??ou  misturar branco e madeira tipo carvalho ou madeira de demolição – ver foto abaixo);portas de correr nas 2 prateleiras superiores da estante, parecndo parede.
  • forrar portas dos quartos e da cozinha com fórmica branca acetinada, além dos batentes. Quanto às esquadrias, não sei… se pintamos de uma tinta de fácil limpeza ou…;
  • portas forradas: também trocar as dobradiças e acertar as maçanetas, colocar os parafusos faltando;
  • colar um pedaço de rodapé do meu quarto;
  • Baú com rodinhas encaixado no nicho do armário do escritório de madeira de demolição descascada (ver baú Depósito Santa Fé);
  • gaveteiro embaixo da escrivaninha com rodinhas;
  • Gaveta para papel presente…
  • área de serviço: portas de correr substituem as atuais, fechar o balcão, pensar numa gavetona com 1 separação para sapatos para Rose, prateleira acima da máquina de lavar roupa, trocar partes molhadas e colocar massa no tanque;
  • Cozinha:  combinar para levar. Fechar todo o balcão abaixo do micro-ondas com portas de correr, criando 1 prateleira ajustável acima do balcão/micro-ondas;
  • Fazer outra cama de casal de forma que ela fique com a mesma aparência da atual, manter a cabeceira de ferro e fazer a cama branca cheia de gavetas ( http://blog.bbel.uol.com.br/como-aproveitar-espaco-embaixo-da-cama/ ). Só acho estranho misturar no mesmo móvel ferro e madeira, mas uso colchas cumpridas/saia  e não dá pra ver o corpo da cama (!?)
  • Quanto ao revestimento da estante de gesso, Jorge está pensando em usar madeira para revestir toda a estante, e revestir essa madeira com PVC branco ou creme bem clara (parece fórmica, mas mais maleável). Se nada der certo, penso em papel de parede.
  • ?Gaveta/pastas
  • Gaveta/baú peq com rodinhas
  • rodapé: meu quarto
  • meu armário: 1 prateleira
  • puxadores: cozinha,
  • (não está no orçamentoa)Puxadores: trocar PH, gavetinha
  • (não está no orçamentoa)Orçar porta da varanda: tirar porta pra trocar base
  • (não está no orçamentoa)Extenção mesinha café
  • acabamento baú
  • gaveta papel presente
    gaveteiro
    mini baú
    mesinha café
    Área de serviço
    gaveta talheres
    Orçar porta da varanda: tirar porta pra trocar base
    ver orçamentos toldos (reto com caída polioretano e mão francesa e acima varal)
    mover prateleiras no meu armário de roupa de cama
    puxadores: trocar PH, gavetinha, cozinha (trocar c/gavetas)

Já feito

Cozinha: armário acima da coifa

  • Armários em fórmica branca, sem puxador, o mais discreto/clean possível nas 2 paredes maiores e nas outras 2, apenas 1 prateleira de 15 a 20cm (não faremos neste orçamento);
  • fazer uma bandeja/mesinha até o chão  de fórmica branca, largura: menos de metade do lado maior do pufe   para servir petiscos e apoiar o notebook (??ou laqueada  capuccino ?? com círculos laterias para facilitar o manuseio??);
  • fazer 2 baús para  Marcos guardar seu material de pesca atrás do sofá e servir de apoio. Madeira escura com rodinhas (??ou laqueada  capuccino ??;), um pouco mais baixa que o sofá (82cm);
  • (não farei agora) No corredor dos quartos, nas 2 paredes maiores, farei 2 pequenos armários de 20 cm de profundidade, acima das portas até o teto (altura=40cm).   Esses armários serão de fórmica branca sem puxadores e acima da porta do meu quarto e da porta da sala (as 2 paredes menores do corredor) não haverá armário, apenas uma parede branca (fórmica branca fosca como os armários);

Distância máxima entre parede e fim do sofá: 3m

Escritório (estante e balcão): caixas organizadoras de tecido bege (4 ou 5)

Rua Paes Leme, 78   Pinheiros

Parede sala em frente TV: painel  de parede wall com arabescos, Etna R$130 na Etna?

  • Ver: mini-churrasqueira de aço inox (31cm diâmetroX42cm altura) Besi loja de decorações www.besi.com.br

(Casa Cláudia  guia de decoração Varandas, terraços e jardins)

* Ver cama com gavetas, espaços pequenos/decoração:    http://encantodecasanova.blogspot.com.br/2011/08/armarios-bem-planejadinhos.html

http://achadosdedecoracao.blogspot.com.br/

http://www.belascozinhas.com/2012/02/06/armrios-da-cozinha-renovados/

* Ver: (Isabella Carvalho (ver): Acessórios como bolsas, nécessaires, malas e frasqueiras, além de artigos de decoração, como pufes, almofadas e poltronas estão reunidos no bazar da artista plástica. As peças começam em R$ 20.

Rua Iperoig, 409, tel. (11) 2639-8208, Perdizes, São Paulo, SP.
Dias 10 e 11/12.
Horário: das 10h às 19h)

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………….

Pontualmente, hoje, dia 02/08/2012, chegou o sofá novo:

Estante de gesso será revestida de fórmica branca e rack trocado ou reformado.

………………………………………………………………………………………………………………………………………………….

Vou fazer 3 coisas para ganhar mais espaço de armários.

  • O rack da estante sai, faço o fundo falso e as gavetas como um móvel saindo um pouco pra fora da estante
  • armários no corredor e
  • gavetas na cama.

* (Planos para o futuro) Já que… troquei o sofá, também estou pensando em trocar o piso. Aliás, nada de quebra-quebra, não vou trocar o piso, mas colocar outro em cima, quero o mesmo piso para a cozinha, sala e escritório (ambientes sem paredes entre eles). Estou avaliando colocar um piso vinílico.  Vantagens e desvantagens desse piso?

Piso Vinílico

http://www.grupofortdecor.com.br/ambienta/ambientar-rstico

http://www.tarkett.com.br/banco-imagens/index.php

http://www.villadecor.com.br/pisos4.htm

Zaro Revestimentos

Rua Dr Miranda de Azevedo, 1064

Pompeia

3866-7600

contato@zarorevestimentos.com.br

……………………………….

C & C Casa e Construção Ltda

Av. Dr Gastão Vidigal, 1234

Vl. Leopoldina

(11) 4001-0100

…………………………………………………………………………………………………………….

Os diferentes tipos de futon

Em novas versões, o acessório ganhou também diversas classificações. Confira

Lívia Alves, iG São Paulo | 10/06/2011 07:50:07

Fonte: http://delas.ig.com.br/casa/decoracao/os+diferentes+tipos+de+futon/n1597017736563.htmlFo

 

Shikibuton:denso ou maleável, esse tipo de futon fica muito bem em cima de um assento ou mesmo dobrado, fazendo as vezes de sofá-cama. É prático para viagens.


Kakibushi: dobrável, ele também é conhecido como futon-pufe. Dobrado, pode ser usado para sentar. Aberto, transforma-se em  um pequeno colchão.

Kakebuton: mais fino do que os demais, pode ser utilizado como um edredon.

 

 


 

Futon Turco: com bordas proeminentes e captonê, o futon turco é um assento próprio para ser colocado diretamente no chão.

 

 

 

Zakubuton:mais fina, é uma almofada quadrada, utilizada como apoio de cabeça, para sentar no chão ou sobre um assento.



 

 

 

Zafu:almofada redonda utilizada para a prática de meditação e para sentar com boa postura.

Fonte: http://delas.ig.com.br/casa/decoracao/os+diferentes+tipos+de+futon/n1597017736563.html

http://www.sofacamafuton.com.br/sobreofuton.php
http://www.futon-company.com.br/
Outlet: Endereço: Rua Inácio Pereira Da Rocha, 295
Bairro: Pinheiros / Vila Madalena
Tel.: (011) 3813-9700
KottonFuton: Rua Wisard, 568 – Vila Madalena
Fone: 11 3813 1467
http://www.tsuruya.com.br/ Rua dos Estudantes, 49 – Liberdade – SP
Tel (11) 3209-0668
http://www.meusofacama.com.br/loja/conteudo.php?cat=7
Rua Teodureto Souto 760 – Cambuci
São Paulo – SP – CEP:01539-000
E-mail: contato@meusofacama.com.br
Telefone(s): (11) 3209-4013

~~ Lar&Etc ~~
Wordpressjanela